Seus dados estão protegidos no mundo da internet?

Há quem pense que a internet é o lugar ideal para guardar seus dados. Afinal de contas, com os sistemas de senha de segurança e a criação da “nuvem”, é cada vez mais comum diversos tipos de dados pessoais serem armazenados todos os dias na internet.

No entanto, um estudo realizado pela Axur, empresa de monitoramento e risco online, verificou que o número de tentativas de roubo de dados na internet aumentou em 64,5% no segundo trimestre de 2019.

E não podemos discordar desse fato. Atualmente, se tornou muito mais fácil ocorrer casos de roubo e estelionato, até mais do que em locais físicos.

Uma das previsões mais comentadas é que, em um futuro próximo, toda demanda de crimes pare de acontecer nos locais presenciais e mude para os meios online, ou seja, para a internet.

Mas isso não significa que não podemos nos prevenir com alguns hábitos simples. Por essa razão, elaboramos esse post para mostrar como é possível cuidar dos seus dados pessoais na internet e ter mais segurança!
Não perca essa leitura!

Crimes da internet

Como comentamos, os casos de acidentes na internet estão se tornando cada vez mais comum. Entre os inúmeros acidentes e crimes cometidos, veja abaixo quais são os mais recorrentes:

⦁ Furto de dados: Dados como seu nome, RG, CPF e informações do seu cartão podem ser furtadas, caso você os digite em um site ou um local utilizado para roubo.
⦁ Criação de perfis falsos: Se você costuma aceitar solicitações de estranhos nas redes sociais, você pode ter algum perfil falso em sua rede social! Eles são usados para captar informações pessoais;
⦁ Plágio de sites: Se você encontrar uma promoção fora do comum, pode ser que o site seja um plágio do site original, fornecendo vendas falsas para captar os dados do seu cartão;
⦁ E-mail falsos: E-mail falsos com promoções e informações também são comuns entre os crimes na internet!

Cuidados para deixar seus dados protegidos

Agora que você já sabe quais os tipos de crimes mais cometidos na internet, veja abaixo algumas dicas preciosas para se prevenir:

Apague seus cookies e histórico

Apague sempre que possível o histórico e os registros de cookies do seu site. Às vezes, as informações podem ser registradas por sites ou ferramentas duvidosas.

Não salve suas senhas

Apesar de ser um pouco mais trabalhoso, não salvar suas senhas nos navegadores pode garantir uma maior segurança e reduzir os riscos de furto de dados.

Cuidado com as compras feitas na internet

Se você quer comprar uma película de controle solar, colher de dentina, ou algum serviço de aluguel de empilhadeira, por exemplo, muita das vezes é melhor ir até o espaço físico do que realizar a compra em sites duvidosos.

Cuidado nas redes sociais

Como mencionamos ao longo do post, as redes sociais estão cheias de pessoas com más intenções. Não aceite solicitações de estranho e tome cuidado para não passar informações dos seus dados pessoas.

Os riscos do seu perfil nas redes sociais ser hackeado é alto. Por essa razão, tome cuidado em todas as redes e mídias sociais.

Siga essas dicas e fique protegido

Ao longo do post, ficou clara a importância de se proteger, mesmo em um ambiente tão receptivo como a internet.

O furto de dados, criação de perfil falsos, plágio de sites e o disparo de emails fakes são os crimes mais comuns e fáceis de cometer, e que conseguem enganar muitas pessoas.

Por isso, fatores como apagar seus cookies e histórico, não salvar suas senhas, ter cuidado com as compras realizadas e saber utilizar as redes sociais da maneira correta são a melhor prevenção que você pode ter para ficar seguro.
O que acha de adquirir algumas dessas dicas? Gostou do post? Conta pra gente, queremos saber sua opinião!

Esse artigo foi escrito por Rafaela Ricardo, Criadora de Conteúdo do Soluções Industriais.